Resenha Quem é você, Alasca? (John Green)

Saraiva
Saraiva

Miles Halter é um adolescente solitário, apreciador de biografias e últimas palavras, que já não suporta o pacato e limitado universo de sua vida rotineira. À procura de um “Grande Talvez”, como diria o poeta François Rabelais, decide ir para Culver Creek, colégio interno em Alabama onde seu pai estudou quando tinha sua idade.

Lá Miles inicia uma vida regada a estudo, bebidas e cigarros, faz amizade com pessoas inteligentemente malucas e se apaixona por Alasca Young, uma garota extremamente sensual, descolada e misteriosa.

No meio da trama nos deparamos com um espantoso acontecimento, e o restante do livro gira em torno da maneira como Green encontrará a saída do beco no qual se enfiou. Isso faz com que o desfecho seja grandiosamente decepcionante ou surpreendentemente engenhoso, dependendo do ponto de vista do leitor.

O livro consegue entreter com seu humor crítico e envolver com sua linguagem despojada. Entretanto, podemos ver que uma falta de habilidade do autor às vezes o leva a cair nas armadilhas que cria. Particularmente, o ponto mais negativo de toda a narrativa é o número excessivo de cigarros fumados pelas personagens, que me levou a considerar a hipótese de que, finda a leitura, talvez contraísse um câncer de pulmão.

Longe da perfeição, assim como tudo no mundo e na vida, Quem é você, Alasca? possui particularidades suficientes a ponto de tornarem a leitura agradável. A indicação fica para aqueles que buscam entretenimento jovial e descontraído, sem grandes expectativas.

P.S.: Lucy Hale era minha Alasca.

5 Comentários


  1. COMPREI HOJE ESSE LIVRO!!! Estou louquinha para ler, não vou aguentar esperar até chegar na minha casaaaa Hahaha Sou muito ansiosa! Adorei o blog, estou seguindo! Beijinhos

    Responder

    1. Normal essa ansiedade quando se trata de livros novos 🙂
      Muito obrigada!

      Responder

  2. Ameeei seu blog *-* tudo muito lindo aqui!
    Estou lendo esse livro, só não terminei ainda por falta de tempo e vergonha na cara rs
    Mas gostei muito da sua opinião sobre ele.
    Beijinhos flor ;*

    Responder

Deixe uma resposta para Carol Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *