20 de julho Dia do Amigo: Amizades Literárias

Hoje é comemorado o dia do amigo, e por isso decidi fazer uma lista com as melhores amizades literárias, na minha opinião. Vamos conferir?

  1. Pequeno Príncipe e Raposa (O Pequeno Príncipe). Considero o diálogo entre esses dois como o mais belo e tocante de toda a literatura. É com ele que o Pequeno Príncipe aprende que todas as pessoas são iguais umas para as outras até que sejam cativadas, e então torna-se amigo da Raposa e único para ela no mundo, assim como ela para ele. Seu amor continua sendo a Flor, mas para mim a explicação presente ali sobre o que é um sentimento verdadeiro, que precisa existir também em uma amizade, torna ambos bons representantes do tema na literatura. (update: resenha

  2. Liesel e Rudy (A menina que roubava livros). Liesel e Rudy são vizinhos e colegas de classe, e juntos desenvolvem uma verdadeira amizade no período da Segunda Guerra Mundial. A história é conhecida, o livro um sucesso, e a amizade dos dois uma das mais famosas do mundo literário.

  3. Amir e Hassan (O caçador de pipas). Esse livro é considerado um dos maiores sucessos da literatura mundial dos últimos tempos, e o melhor exemplo de amizade literária que eu poderia citar. Amir e Hassan vivem em mundos completamente diferentes, mas cresceram juntos e possuem um elo muito mais forte do que se poderia imaginar. Algo acontece e a amizade de ambos muda completamente a partir de então. Anos mais tarde, Amir tem a possibilidade de fazer pelo amigo tudo o que foi feito por ele e que na época não soube reconhecer e valorizar. História emocionante e leitura que vale a pena.

  4. Marley e John (Marley e eu). Impossível pensar em amizade sem lembrar daquele considerado o melhor amigo do homem. Na literatura, um livro que representa muito bem essa amizade entre pessoas e cães é Marley e eu, bastante conhecido também por sua adaptação no cinema (que considero melhor do que o livro).

  5. Zezé e Portuga (Meu pé de laranja lima). Zezé é um garoto especial e de grande imaginação. Apesar de considerar como seu melhor amigo o pé de laranja lima dos fundos da nova casa para onde se muda com sua família, acaba desenvolvendo uma inesperada amizade com o português Manuel Valadares, e essa se torna a mais importante de toda a sua vida.

  6. Sarah e Planta (Claros sinais de loucura). Sarah é uma garota inteligente e peculiar, que enfrentou um grande problema com sua mãe quando ainda era pequena e por isso precisa mudar de cidade constantemente com o pai. Ao longo de seus quase 12 anos acabou se acostumando com amizades que chegam ao fim, e com as quais nunca pode contar a verdadeira história de sua vida sem com isso ser julgada. Assim, encontra em sua planta uma confidente com quem pode falar a respeito de tudo, e que acaba sendo sua única companheira em muitos momentos que enfrenta.

    ju_sajjad0 (Pixabay)
    ju_sajjad0 (Pixabay)

2 Comentários


  1. Oiii Julie!
    Adoreiiiiiiiii suas escolhas, e vc pensou em alguns que eu não pensaria (mas fazem todo o sentido do mundo!!!).
    Amizades são tudo de bom, né? <3
    Beijos!
    Nati

    Responder

    1. Que bom que gostou, Nati, fiz várias pesquisas nos livros que já li para encontrá-las! São sim, uma pena ser tão difícil encontrar aquelas realmente verdadeiras.
      Beijos, obrigada pela visita!

      Responder

Deixe uma resposta para Natasha Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *